APOMETRIA!


O QUE É ISSO?
O termo Apometria vem do grego apó - preposição que significa além de; fora de; e metron - relativo a medida. Representa o clássico desdobramento entre o corpo físico e os corpos espirituais do ser humano. Não é propriamente mediunismo, é apenas uma técnica de separação desses componentes.

A Apometria é uma técnica de desdobramento que pode ser aplicada em todas as criaturas, não importando a saúde, a idade, o estado de sanidade mental e a resistência oferecida. É um método geral, fácil de ser utilizado por pessoas devidamente habilitadas e dirigentes capazes. Apresenta sempre resultado eficaz em todos os pacientes, mesmo nos oligofrênicos profundos sem nenhuma possibilidade de compreensão.

O êxito da Apometria reside na utilização da faculdade mediúnica para entrarmos em contato com o mundo espiritual da maneira mais fácil e objetiva, sempre que quisermos. Embora não sendo propriamente uma técnica mediúnica, pode ser aplicada como tal toda vez que desejarmos entrar em contato com o mundo espiritual.

 

O AUTOR DESTA TÉCNICA
O Dr. José Lacerda de Azevedo, carinhosamente qualificado por seus pares de Preceptor de Medicina Espiritual, é médico da turma de 1950. Desde cedo na lida com a Doutrina Espírita.

Durante o ano de 1965, esteve em Porto Alegre, um psiquista porto-riquenho chamado Luiz Rodrigues. Realizou palestra no Hospital Espírita de Porto Alegre, demonstrando uma técnica que vinha empregando nos enfermos em geral, obtendo resultados satisfatórios. Denominada Hipnometria, essa técnica foi defendida no VI Congresso Espírita Pan-americano, em 1963, na cidade de Buenos Aires. Essa técnica consistia na aplicação de pulsos magnéticos concentrados e progressivos no corpo astral do paciente, ao mesmo tempo que, por sugestão, comandava o seu afastamento.

O Sr. Luiz Rodrigues era um investigador, não era espírita e tampouco médico mas trouxe possibilidades novas e um imenso campo para experimentação se conduzidas com métodos objetivos e sistemáticos.

Imediatamente, o Dr. José Lacerda testou a metodologia com Dona Yolanda, sua esposa e médium de grande sensibilidade. Utilizando a sua criteriosa metodologia, a sua sólida formação doutrinária, a observação constante dos fenômenos, aprimorou solidamente a técnica inicial. Identificou-se na época, um grande complexo hospitalar na dimensão espiritual, denominado Hospital Amor e Caridade, de onde partiam o auxílio e a cobertura aos trabalhos assistenciais, dirigidos por ele.

Nossa posição a respeito desta prática, APOMETRIA :
Adotamos esta técnica assim como adotamos os passes padronizados por Edgard Armond e sua escola maravilhosa,ou seja, tudo que nos agrega condições de evolução e crescimento avançando  sempre. Já tivemos declarações de ditos consultores “satisfeitos” por terem tirado esta técnica da maioria das casas aqui na região, certos de que estão prestando um grande serviço à doutrina.

Infelizmente estas casas não estavam alicerçadas ( e esta é a nossa opinião ) a ponto de permitirem tal assessoria de pessoas que são formadoras de opinião e se declaram de forma muito disfarçada a favor da técnica inclusive,  mas ameaçam afirmando ela ser muito perigosa.

O fato é que em alguns pontos estão certos pois é preciso muito amor e dedicação , e MEDO é ausência de FÉ , PARALIZAÇÃO é falta de CORAGEM e pode induzir à INÉRCIA, o que nos faz pensar empregando as palavras tão sábias e que caem no esquecimento : A FÉ RACIOCINADA DE KARDEC.